HomeHome  |  ContactoContacto  |  LoginLogin
21 Setiembre 2017 | 04:36 PM
Facebook Twitter  Español  |  English  |  Português
    
      
Imprimir
Twitter
Facebook
mGovernment   |   Noticias Brasil   |   Por: usuario.senatics

31% de los brasileños usan internet por celular (01-07-2014)

31% de los brasileños usan internet por celular
Pesquisa realizada pelo CETIC.br aponta que o uso da Internet pelo celular mais do que dobrou nos últimos dois anos

O Centro Regional de Estudos para o Desenvolvimento da Sociedade da Informação sob os auspícios da Unesco (CETIC.br), órgão ligado ao Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR (NIC.br) e ao Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI.br), apresenta os resultados da nona edição da pesquisa TIC Domicílios. O estudo foi realizado em mais de 16 mil domicílios brasileiros, entre setembro de 2013 e fevereiro de 2014. Entre os destaques, observa-se o crescimento da proporção de usuários de Internet pelo celular, além do maior acesso a equipamentos portáteis, como notebooks e tablets.

Celulares cada vez mais presentes
A pesquisa aponta que, em 2013, 85% das pessoas com 10 anos de idade ou mais usavam telefone celular, totalizando 143 milhões de brasileiros. Nas classes D e E esta proporção é de 69% e na área rural é de 73%.

O uso da Internet no celular destacou-se em 2013: 31% dos brasileiros com 10 anos ou mais acessaram a rede pelo aparelho, o que representa 52,5 milhões de pessoas em números absolutos. Esse percentual mais que dobrou nos últimos dois anos: em 2011 era de 15% dos usuários e 20%, em 2012.

A TIC Domicílios 2013 aprofundou o estudo das atividades realizadas no telefone celular e constatou que 30% dos usuários de telefone celular acessaram redes sociais; 26% compartilharam fotos, vídeos ou textos; 25% acessaram e-mails; e 23% baixaram aplicativos.

Cresce a presença de tablets e notebooks nos domicílios
A TIC Domicílios 2013 constatou que 49% dos domicílios têm computador, o que representa um crescimento de três pontos percentuais em relação a 2012. Em números absolutos, existem 30,6 milhões de domicílios com computador.

Em relação ao tipo de computador, cresceu a presença dos portáteis (laptops e notebooks), alcançando 57% dos domicílios com computador. Em 2012, essa proporção era de 50%. O que também aumentou foi a presença de tablets, que estão presentes em 12% dos domicílios com computador, representando uma proporção superior à registrada em 2012, que era de 4%.

Desigualdades no acesso domiciliar à Internet
A proporção total de domicílios com acesso à Internet em 2013 é de 43%, correspondendo a 27,2 milhões em números absolutos. As desigualdades por classe social e área persistem: na classe A, a proporção de domicílios com acesso à Internet é de 98%; na classe B, 80%; na classe C, 39%; e nas classes D e E, 8%. Nas áreas urbanas, a proporção de domicílios com acesso à Internet é de 48%, enquanto nas áreas rurais é de 15%.

Mais de metade da população é usuária de Internet
“Pela primeira vez na série histórica da pesquisa TIC Domicílios, a parcela da população que é usuária de Internet ultrapassa 50%”, comenta Alexandre Barbosa, gerente do CETIC.br. Barbosa se refere à proporção de indivíduos que utilizaram a Internet nos três meses anteriores à pesquisa, dentre a população com 10 anos de idade ou mais, que totaliza 51% (número correspondente a 85,9 milhões de brasileiros).

Entre as faixas etárias mais jovens, a proporção dos usuários é maior: de 10 a 15 anos (75%), de 16 a 24 (77%) e de 25 a 34 (66%). Entre as pessoas de 35 a 44 anos de idade, 47% são usuárias de Internet, enquanto que apenas 33% das pessoas entre 45 e 49 anos e 11% daquelas com mais de 60 anos acessam a rede. Em números absolutos, há mais de 45 milhões de pessoas de 45 anos ou mais que não usam Internet.

Desafios para a massificação do acesso à Internet
A pesquisa registrou que 24,2 milhões de domicílios com renda familiar de até dois salários mínimos ainda estão desprovidos de acesso à Internet. “Mesmo com o crescimento ano após ano, o Brasil ainda encontra desafios para a massificação do acesso à Internet. Nossas análises identificam um conjunto complexo de fatores geográficos, sociais e econômicos que precisam ser observados sobre a expansão da conectividade em todo o território nacional”, afirma Barbosa.

Entre as análises regionais de destaque, a pesquisa identificou que a região Sudeste, que tem a maior proporção de domicílios com acesso à Internet, também é a região com o maior número de domicílios desconectados: 13,3 milhões. Nas áreas rurais, existem 7,5 milhões de domicílios sem acesso à Internet. Para Barbosa, “as políticas públicas devem estar atentas a esses números, pois uma grande parcela da população está desprovida do acesso à Internet”.

Para acessar a TIC Domicílios 2013 na íntegra, assim como as pesquisas dos anos anteriores, visite http://cetic.br/.

Fonte: NIC.Br
© 2014 - RedGealc.org
Home  |  Contacto  |  Login
Rss
Twitter
Facebook